Btn-close-sidemenu

artistas

Conheça nossos artistas, suas obras e biografia

Encontre um artista pelo nome

Thomaz Ianelli (1932 - 2001)

Adicionar aos favoritos
Seja notificado por email quando tivermos novas obras deste artista.

Biografia do Artista

Thomaz Ianelli (São Paulo SP 1932 - idem 2001). Pintor, gravador, aquarelista e desenhista. Começa a trabalhar como aprendiz em uma empresa de desenho publicitário, a Companhia de Anúncios em Bondes, de 1948 a 1955. No início da década de 1950, freqüenta o ateliê de seu irmão, o pintor e escultor Arcangelo Ianelli (1922). Em 1953, tem aulas de desenho e pintura com Angelo Simeone (1899 - 1974), na Associação Paulista de Belas Artes, em São Paulo. Entra em contato com os artistas Mario Zanini (1907 - 1971), Flexor (1907 - 1971) e Arnaldo Ferrari (1906 - 1974), entre outros. A partir de 1957, dedica-se à pintura, e, no ano seguinte, integra o Grupo Guanabara, participando de suas mostras coletivas. Em 1961, através do prêmio viagem que recebe no Concurso Velázquez, do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro - MAM/RJ, viaja para a Europa, e conhece obras de artistas como Paul Klee (1879-1940) e Karel Appel (1921-2006), que passam a influenciar a sua pintura. Em 1965, ministra curso de desenho no Centro de Estudos Brasileiros, em Lima. Recebe prêmio aquisição nas 9ª e 12ª edições da Bienal Internacional de São Paulo, em 1967 e 1975. Torna-se membro do conselho da Associação Internacional de Artes Plásticas da Unesco, em 1972, e, dez anos depois é eleito o primeiro presidente da Associação Profissional de Artistas Plásticos. Em 1979, participa do Congresso Internacional de Artes Plásticas realizado em Stuttgart, na Alemanha, e trabalha em um ateliê de Rothrist, na Suíça. Em 1981, produz séries de têmperas e gravuras em metal. Em 1997, ilustra o livro Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente, publicado pela editora Bibla, e, em 2000, é lançado pela editora Berlendis & Verteccia o livro Pinturas de Thomaz Ianelli: arte para criança, de Alberto Goldin.

Cronologia

Exposições individuais

Exposições Individuais

1960 - São Paulo SP - Primeira individual, na Galeria de Arte das Folhas - Prêmio Leirner

1961 - Campinas SP - Individual, na Galeria Aremar

1961 - Rio de Janeiro RJ - Individual, no Instituto Italiano de Cultura. Piccolla Galeria

1961 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Ambiente

1962 - Bilbao (Espanha) - Individual, no Instituto Vascongago

1962 - Madri (Espanha) - Individual, no Instituto de Cultura Hispânica

1962 - Paris (França) - Individual, na Maison du Brésil

1964 - Madri (Espanha) - Individual, na Galeria Nebli

1964 - São Paulo SP - Individual, na Galeria São Luís

1965 - Lima (Peru) - Individual, na Galeria Candido Portinari

1965 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia

1968 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Cosme Velho

1969 - Santos SP - Individual, na Galeria CCBEU

1970 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia

1971 - Campinas SP - Individual, no Banco Lar Brasileiro

1972 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Astréia

1973 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria de Arte Ipanema

1975 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Cosme Velho

1976 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Grafiti

1977 - São Paulo SP - Individual, na Cristina Faria de Paula Galeria de Arte

1979 - Curitiba PR - Thomaz Ianelli: óleos e aquarelas, no MAC/PR

1979 - Rio de Janeiro RJ - Thomaz Ianelli :óleos e guaches, na Galeria Bonino

1980 - Paris (França) - Individual, na Galeria Debret

1980 - São Paulo SP - Individual, na Grifo Galeria de Arte

1982 - Rio de Janeiro RJ - Thomaz Ianelli: óleos e têmperas, na Galeria Bonino

1984 - Belo Horizonte MG - Individual, no MAP

1984 - Rio de Janeiro RJ - Individual, no MNBA

1985 - Brasília DF - Individual, na Fundação Cultural do Distrito Federal

1985 - Curitiba PR - Individual, no MAC/PR

1985 - Porto Alegre PR - Individual, no Margs

1985 - Porto Alegre RS - Individual, na Galeria Tina Presser

1985 - São Paulo SP - Individual, no MAM/SP

1986 - São Paulo SP - Thomaz Ianelli: a obra sobre papel, na Paulo Figueiredo Galeria de Arte

1987 - Buenos Aires (Argentina) - Thomaz Ianelli: pinturas, no Museo de Artes Plásticas Eduardo Sívori

1987 - Rio de Janeiro RJ - Individual, na Galeria Saramenha

1987 - São Paulo SP - Individual, na Yutaka Sanematsu Escritório de Arte

1988 - Lisboa (Portugal) - Individual, na Galeria 111

1989 - Santiago (Chile) - Individual, na Galeria Arte Actual

1989 - São Paulo SP - Thomaz Ianelli: aquarelas, na Kate Art Gallery

1990 - New Orleans (Estados Unidos) - Individual, na Global Art Gallery

1990 - Porto (Portugal) - Individual, na Galeria Zen

1992 - São Paulo SP - Individual, no Masp

1993 - Rio de Janeiro RJ - Individual, no Paço Imperial

1995 - Brasília DF - Individual, no Marlene Gastal Escritório de Arte

1996 - São Bernardo do Campo SP - Individual, no Espaço Henfil de Cultura

1997 - São Paulo SP - Individual, na Galeria Nara Roesler

1998 - Porto Alegre RS - Thomaz Ianelli, na Bolsa de Arte de Porto Alegre

1999 - Miami (Estados Unidos) - Thomaz Ianelli: aquarelas, no National Eagle Bank

1999 - São Paulo SP - Individual, na Casa da Fazenda do Morumbi

1999 - São Paulo SP - Thomaz Ianelli: a imaginária do aparente, na Pinacoteca do Estado

2000 - Lisboa (Portugal) -Formas Flutuantes, no Centro Cultural Padrão dos Descobrimentos

Fonte: www.itaucultural.com.br

obras