Btn-close-sidemenu

artistas

Conheça nossos artistas, suas obras e biografia

Encontre um artista pelo nome

Clóvis Graciano (1907 - 1988)

Adicionar aos favoritos
Seja notificado por email quando tivermos novas obras deste artista.

Biografia do Artista

Nasceu em 29 de Janeiro de 1907, em Araras (SP) e faleceu em 29 de junho de 1988, em São Paulo (SP). Em 1927, inicia sua carreira artística, pintando tabuletas, carros e sinalizações da Estrada de Ferro Sorocabana no interior paulista. Na década de 1930 começa a pintar, sempre como autodidata, com grande interesse pelas tendências modernas, com as quais travou contato através de publicações e álbuns. Em 1934, faz suas primeiras pinturas a óleo e aquarela, frequentando o atelier de Waldemar da Costa e o curso livre da Escola Paulista de Belas-Artes, embora sem aceitar orientação de professores. Integrou, a partir de 1935, o Grupo Santa Helena, com Francisco Rebolo, Volpi e outros. Começa a participar de coletivas em 1937, quando expôs no I Salão da Família Artística de São Paulo, do qual foi um dos fundadores. Desde então, participa de diversos Salões Oficiais e Coletivas, conquistando o prêmio de viagem ao exterior no Salão Nacional de Belas Artes, seguindo para a Europa em 1949, permanece dois anos em Paris, onde estuda pintura mural e gravura. A partir dos anos 1950, dedica-se principalmente à pintura de murais. Ao retornar ao Brasil, em 1951, realizou diversos painéis: o mural Armistício de Iperoig, na FAAP (1962); o painel Operário, na Av. Moreira Guimarães (1979), murais na Avenida Paulista e no edifício do Diário Popular, entre outros. No decurso de toda a sua carreira, Graciano permaneceu fiel ao figurativismo, jamais tendo sentido sedução pelo abstracionismo. Tratou constantemente de temas sociais, como o dos retirantes, além de temas de músicos e de dança.

obras