artistas

Conheça nossos artistas, suas obras e biografia

Encontre um artista pelo nome

Não encontramos nenhum artista para o filtro especificado. Por favor, refaça sua busca.

Alfredo Volpi (1896 - 1988)

Adicionar aos favoritos
Seja notificado por email quando tivermos novas obras deste artista.

Biografia do Artista

Nasceu em 14 de abril de 1896, em Lucca, na Itália e faleceu em 28 de maio de 1988, em São Paulo (SP). Autodidata, Alfredo Volpi começou a pintar em 1911, executando murais decorativos. Em seguida, trabalhou com óleo sobre madeira, consagrando-se como mestre utilizador de têmpera sobre tela. Grande colorista explorou através das formas, composições magníficas, de grande impacto visual. Em conjunto com Arcângelo Ianelli e Aldir Mendes de Sousa formou uma tríade de exímios coloristas. Trabalhou também como pintor decorador em residências da sociedade paulista da época, executando trabalho de decoração artística em paredes e murais. Realizou a primeira exposição individual aos 41 anos de idade, expondo no Salão de Maio e na 1ª. Exposição da Família Artística Paulista, no ano de 1937. Na década de 1950 evoluiu para o abstracionismo geométrico, de quem é exemplo, a série de bandeiras e mastros de festas juninas. Recebeu em 1953 o prêmio de melhor pintor nacional na segunda Bienal de São Paulo. Participou da primeira Exposição de Arte Concreta do Grupo Santa Helena. Na década de 80, convidado pela diretoria do Clube Atlético Mineiro para conhecer a equipe, desenhou um Galo, mascote do clube, em homenagem à torcida. Em gratidão este desenho tornou-se símbolo oficial e foi batizado pelo clube de “Galo Volpi”. Volpi somente pintava com a luz do sol e se envolvia totalmente com a criação de sua obra, o que incluía esticar o linho para as telas. Depois de dominar a técnica da têmpera com clara de ovo em que ele adicionava pigmentos naturais purificados (terra, ferro, óxidos, argila colorida por óxido de ferro) e ressecados ao sol, o artista nunca mais usou tintas industriais - "elas criam mofo e perdem vida com o passar do tempo", dizia.

obras

Ver acervo